Como tomar boas decisões, segundo Jeff Bezos

A Amazon é uma das empresas mais famosas de todo o mundo e no final de 2018, em setembro, ultrapassou a marca de 1 trilhão de dólares – batendo um recorde incrível na área de finanças.

Jeff Bezos, CEO da empresa, enviou uma carta aos seus acionistas em 2015, onde apontou os tipos de decisões que os empreendedores de sucesso têm que enfrentar.

Decisão Tipo 1 e Tipo 2

Segundo ele, a primeira chamada de decisão é um tipo 1, na qual representa uma porta onde a pessoa se passar, que não volta mais.

E para explicar isso ele cita um exemplo: a demissão de um emprego que pague bem para buscar algo mais alternativo, com um horário mais livre.

A Amazon quando surgiu era uma aposta de risco, mas, hoje, com o seu valor de mercado, mostra como deu certo.

Segundo Bezos, as decisões devem sempre ser tomadas com uma forma cuidadosa, devagar, metódica e com grande consulta e deliberação.

Já uma decisão do tipo 2 é representada por uma escolha que é reversível, como um produto novo que é testado como uma versão beta ou até mesmo um layout em um site.

Como tomar decisões boas?

O ideal é que 10% do seu tempo semanal sejam com decisões do tipo 1, porém, você jamais deve tomar algo do tipo se estiver com raiva, se sentindo solitário, cansado ou com fome.

Já as decisões do tipo 2 devem sempre ser tomadas de uma forma mais rápida e normalmente de uma forma mais agrupada, até mesmo terceirizando um serviço.

Planos para consequências inesperadas

Cada ação tem uma consequência e algumas trazem coisas inesperadas.

Por exemplo, um produto novo, ele pode cair no gosto de todos os consumidores ou também ser repreendido por eles.

Todas as consequências geradas inesperadamente representam o tipo 2.

Segundo Bezos, em caso da decisão 2 não alcançar a meta, você não deve sofrer as consequências por muito tempo e sim reabrir a porta, voltar para trás, pois essas decisões podem e devem ser desfeitas quando necessário.

No caso de um empreendedor novo, ele deve considerar as situações com cuidado e as escolhas podem afetar diretamente no seu fluxo de caixa, o que acaba exigindo uma decisão em busca de uma solução mais rápida.

Já em empreendedores que estão estabelecidos no mercado, uma recomendação de alguém da sua equipe pode ser uma solução.

Mas, sempre será necessária uma avaliação antes, levando em consideração todos os pontos necessários para uma decisão.

Esteja pronto para os fracassos

Decisões, muitas vezes, podem até trazer os maiores retornos para a sua empresa e se existe 10% de chance, o empreendedor deve sim assumir o risco, sempre, segundo Jeff Bezos.

É natural que ao longo da vida a gente passe por alguns fracassos, apostas erradas.

Um exemplo é a própria Amazon, com o seu Webstore e o Fire Phone, que juntos custaram 170 milhões de dólares e foram um fracasso.

Segundo Bezos, tudo isso também faz parte do trabalho e, a cada 10 tentativas, você errará em 9, mas é nessa decisão correta que poderá ter o seu retorno esperado e mostrar que é realmente vencedor.

Add Comment