Títulos Pós-Fixados Tesouro Selic – Como Investir

Como funcionam, no Tesouro Nacional, os Títulos Pós-Fixados Tesouro Selic? Em primeiro lugar vamos definir o que é um título pós-fixado. Os títulos públicos são divididos em duas categorias: Os Prefixados e os Pós-fixados. Além disso, os Pós-Fixados se subdividem em Tesouro Selic e Tesouro IPCA+. Esse último ainda pode ser COM ou SEM Juros Semestrais.

Nesse artigo, entretanto, vamos falar sobre os Títulos Pós-Fixados Tesouro Selic. Você vai poder compreender as vantagens desse tipo de aplicação. Os benefícios serão explicados com base nas informações formais do Tesouro Nacional. Ao final disponibilizaremos os sites oficiais do governo, onde você poderá se certificar da credibilidade do conteúdo 100% informativo do nosso site.

Enfatizar os Títulos Pós-Fixados Tesouro Selic
Os Títulos Pós-Fixados Tesouro Selic têm seu valor corrigido por um indexador que é a taxa básica de juros.

Se você ainda não sabe que Títulos Públicos do Tesouro Direto são simples papéis emitidos pelo Tesouro Nacional, vale a pena ler esse artigo do link. Em resumo, os títulos representam uma estratégia para financiar a dívida pública e ainda conseguir que os investidores “emprestem” dinheiro para o governo e recebam uma rentabilidade em troca.

Títulos Públicos Pós-Fixados

Os pós-fixados recebem essa denominação porque os seus retornos mudam conforme o comportamento de variáveis da economia. Por exemplo, a inflação (Tesouro IPCA+) ou a taxa básica de juros, conhecida como Taxa Selic.

Taxa Selic

Taxa Selic é uma taxa de juros básica da economia. Ela serve de referência para a realização de negócios. Por exemplo, empréstimos, financiamentos entre bancos, empresas e fundos de investimentos. O Tesouro Selic possui fluxo de recebimento simples. Ou seja, você faz a aplicação e recebe o valor investido, somado aos rendimentos, na data de vencimento do título. Contudo, pode receber antes disso, se você optar por resgatar o seu investimento antecipadamente.

Títulos Pós-Fixados Tesouro Selic

Por ser pós-fixado, não é possível saber o quanto você receberá exatamente de remuneração, até a data de vencimento do título. Uma vez que a rentabilidade do Tesouro Selic acompanha a taxa de juros Selic, que pode ser alterada ao longo do tempo.

O preço do Tesouro Selic é atualizado diariamente pela taxa Selic efetiva do dia. A intensidade com que seu preço é atualizado, vai depender do nível dessa taxa de juros. Quando os juros sobem, a sua rentabilidade, a partir desse momento, aumenta. Ou seja, o título se valoriza mais rápido.

Mas quando os juros caem, sua rentabilidade futura cai, reduzindo a sua intensidade de ajuste de preço. Assim, não importa se a taxa Selic vai subir ou cair, pois, por esse fator de capitalização, o valor do seu investimento sempre aumentará.

Retornos dos Títulos Pós-Fixados Tesouro Selic

Os retornos oferecidos pelo tesouro Selic também dependerão do preço sob o qual ele estiver sendo negociado no momento do seu investimento. Podem estar:

  • Ao Par
  • Com Ágil
  • Deságil

Para entender melhor a rentabilidade oferecida pelo Tesouro Selic, vamos analisar como essa informação pode aparecer no site do Tesouro Direto. Na coluna referente a rentabilidade bruta anual oferecida pelo Tesouro Selic, você poderá enxergar 0,00. Isso significa que você receberá, como retorno, exatamente a taxa Selic acumulada no período entre a data de investimento e a de vencimento do título.

Retornos

Desse modo, se a taxa Selic for de 10% a.a. você receberá como retorno 10% a.a. Nesse caso, você estará comprando um título “ao par“. Se essa coluna estiver preenchida com valores negativos, -0,02, por exemplo, você receberá como retorno, a taxa Selic do período MENOS 0,02 pontos percentuais. Ou seja, se a Selic for de 10% a.a. a sua rentabilidade será de 9,98% a.a. Com isso, você estará comprando um título “com ágil“. Ou seja, um título mais caro do que o seu valor ao par.

Por estar mais caro, a sua rentabilidade fica abaixo da taxa Selic. Por outro lado, se esse título estiver oferendo um valor positivo como +0,02, a sua taxa de rentabilidade será dada pela variação da Selic MAIS 0,02. Assim, se a taxa Selic for de 10% a.a. você terá como taxa de rentabilidade 10,02% a.a. dali em diante. Nesse caso, você estará investindo em um título com “deságil“. Ou seja, um título mais barato do que o seu valor ao par. Acarretando assim, um nível de rentabilidade superior a taxa Selic.

Sugestão e Orientação

O equilíbrio entre oferta e demanda pelo Tesouro Selic é que vai determinar se o seu preço será negociado ao par, com ágil ou deságil. O Tesouro Selic é considerado o tipo de título mais conservador, sendo indicado para quem quer evitar volatilidade no saldo do seu investimento. Ou quem quer fazer uma reserva de emergência, que poderá ser resgatada a qualquer momento.

Faça as suas ponderações com bastante calma, mas não deixe de tomar uma decisão seguida de uma atitude. O site oficial do Tesouro Nacional pode te esclarecer ainda mais, fazendo você entender cada título em seus mínimos detalhes.