Planejamento Pessoal: Reorganize Sua Vida em 6 Passos

Publicidade
(Imagem: Reprodução)
(Imagem: Reprodução)

Sabe aquele momento em que sentimentos a sensação de desordem em nossa vida, como se precisássemos de novos caminhos, novos estímulos, uma reorganização geral? É nesse momento que devemos permitir uma pausa para o nosso corpo respirar e nossa mente mergulhar em uma profunda reflexão. A única saída para a paz interior será uma total renovação.

Nesse processo, devemos compreender que todas as mudanças serão muito benvindas, além de que não haverá restrição para os objetivos almejados. Tudo é possível até que análises e avaliações provem o contrário.

Publicidade

Para um recomeço bem planejado e organizado, siga as dicas a seguir.

1. Estabeleça metas para curto, médio e longo prazo

Antes de recomeçar, é essencial compreender onde se quer chegar. Extraia de si seus mais simples desejos até os mais audaciosos objetivos. Defina metas que melhore sua qualidade de vida, defina objetivos financeiros e profissionais, defina desafios e os organize em METAS para serem alcançadas em curto, médio e longo prazo.

As metas estabelecidas serão seu estímulo diário. Segundo a psicanálise, são os desejos que impulsionam a vida, por isso ao atingí-los estabeleça novos desejos e metas.

2. Tenha disciplina e administre seu tempo

Para que as metas sejam eficazmente alcançadas é necessário disciplina. Estabeleça suas tarefas diárias e as organize em uma tabela semanal, disponilizando os dias da semana e os horários.

Mantenha a tabela em um local de fácil visualização. Se exercidas com disciplina, após algum tempo ela não será mais necessária e as atividades diárias serão realizadas naturalmente.

3. Momento de desacelerar! Faça uma introspecção

Durante o desenvolvimento da tabela, lembre-se de deixar horários LIVRES para que possa ter um momento para si, um momento de introspecção, onde você poderá organizar seus pensamentos e analisar suas emoções.

Publicidade

Aproveite esse momento para desacelerar o corpo e a mente. Você perceberá melhor produtividade em suas atividades do dia a dia.

4. Definina seus talentos (pontos fortes) e suas dificuldades (pontos fracos)

Coloque no papel seus talentos, ou seja, seus pontos fortes, o que você faz de melhor. E também descreva suas dificuldades, seus pontos fracos. Esse é o momento da VERDADE. Busque em si seus reais talentos e saiba diferenciá-los das habilidades que gostaria de ter. Reconhecer seus pontos fracos é o primeiro passo para a mudança e reconhecer seus pontos fortes o permitirá aproveitar melhor as oportunidades.

5. Questione-se. Saia da zona de conforto

Questione antigas crenças, velhos hábitos, manias e sentimentos. Questione suas lembranças e mágoas. O questionamento intrapessoal permite QUEBRA DE PARADIGMAS.

Para sair da zona de conforto aprimore sua sensibilidade, permitindo olhos e mentes bem abertos para receber o que mundo apresenta, assim você terá melhor percepção de oportunidades à sua volta. Encontre tempo para bater um papo com os amigos periodicamente e busque o contato com pessoas diferentes em lugares distintos. Opte por outro caminho para ir ao trabalho, faça uma caminhada pelo seu bairro, mude o visual, faça novas escolhas.

Para fugir da zona de conforto basta se desprender de rituais e estar aberto ao NOVO.

6. Reveja as metas para não perder o foco

É muito comum perder o foco dos objetivos em meio a agitação e exigências do mundo contemporâneo. Para que isso não aconteça busque a disciplina e comprometimento com as tarefas diárias pré-estabelecidas e reveja as metas periodicamente ou sempre que perceber que está perdendo o foco. Lembre-se que os prazos para atingir as metas devem ser respeitados. Se não estão sendo atingidas, o processo não está sendo realizado de forma eficaz, então reorganize as tarefas diárias.

Que venham as mudanças!

Publicidade

8 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here