ONGs que mais ajudam no mundo

Com toda certeza, a maior parte das pessoas já ouviu falar sobre as ONGs, não é mesmo? Elas são Organizações não Governamentais, ou seja, desenvolvem projetos e trabalhos sem nenhum fim lucrativo.

Essas organizações são da sociedade civil e na maioria das situações atende a causas ou categorias que necessitam de algum auxílio, como a defesa do meio ambiente, animais, doenças, enfim, as possibilidades são inúmeras.

ONGs que mais ajudam no mundo

Dentro dos diversos segmentos, estão as ONGs Humanitárias, que buscam ajudar em situações de calamidades, crises, desastres naturais e situações provocadas pelo homem e que colocam a própria sociedade em perigo. Confira 5 ONGs que contribuem para um mundo bem melhor.

1 – UNICEF

Com atuação em mais de 150 países, o Fundo da Organização das Nações Unidas (ONU) para a Infância, conhecida por UNICEF, busca promover os direitos dos jovens, crianças e adolescentes, buscando sempre atender as suas necessidades básicas.

A organização surgiu em 1946, inicialmente ajudando crianças europeias, visto que estávamos saindo da II Guerra Mundial.

A UNICEF atua principalmente na divulgação de campanhas para as crianças, como por exemplo, a de vacinação infantil. A organização também colabora com acessos a saneamento básico e água potável, bens que são fundamentais na vida de qualquer ser humano.

2 – Save the Children

Após a Primeira Guerra Mundial, em 1919, foi criado o movimento Save the Children, traduzindo para o português, Salve as crianças.

Com milhões e milhões de pessoas atingidas diretamente na Europa após as batalhas, a organização sempre agiu ativamente em prol das crianças e adolescentes, em busca de recursos para que as mesmas pudessem sonhar com um futuro melhor.

O programa promove a saúde básica e oportunidades para estudos. Atualmente, a Save the Children está em mais de 120 países espalhados por todo o mundo.

3 – AMI

A organização AMI, Assistência Médica Internacional, oferece ajuda humanitária destinada a todos que lutam contra situações de pobreza e pobreza extrema.

A organização realiza missões de emergências e de desenvolvimento com equipes, além de participar de projetos internacionais.

O AMI foi fundado por Fernando Nobre, um médico, em 1984.

4 – Médicos sem Fronteiras

A organização não governamental “Médicos Sem Fronteiras” presta um belo serviço à comunidade, ajudando a população em situações de epidemias e catástrofes, sempre promovendo a saúde em qualquer local do mundo que precise.

Tudo começou na França, em 1971, onde médicos e jornalistas se juntaram para desenvolver a atividade após a Guerra do Biafra, que ocorreu na Nigéria. No momento, mais de 71 países são beneficiados pela organização.

5 – CARE

A CARE é uma organização não governamental que surgiu em 1945, nos Estados Unidos, após uma junção com mais 22 organizações do país.

Presente em quase 100 países na atualidade, a principal missão da CARE é salvar vidas e promover a justiça social, erradicando toda a pobreza.

O principal foco da organização são as mulheres de qualquer faixa etária, e por ano, mais de 12 milhões de pessoas são beneficiadas em todo o mundo.