Guiness Book – mulher tem o cálculo mais exato do número pi… E adivinha onde ela trabalha!

Quem não se lembra do número pi nos tempos de escola? Pelo menos uma vez na vida você viu este número e precisou usá-lo, mesmo que sem saber seu significado.

Relembrando as aulas de geometria do ensino fundamental, o pi, que tem como com símbolo “π”, representa a divisão entre a circunferência de um círculo (perímetro) e seu diâmetro.

O número mágico, segundo historiadores matemáticos, é a constante mais antiga que se tem registro e foi descoberta pelo povo egípcio, famoso por dominar a matemática desde os primórdios.

É um número extremamente importante em diversos cálculos matemáticos.

O número pi

O número é conhecido por ter várias casas decimais.

Geralmente, para fins de facilitação, o número é conhecido apenas por “3.14”.

Entretanto, para a matemática exata, este número tem infinitas casas decimais, ou seja, não é possível chegar na sua última casa decimal e fechar um número.

Portanto, torna-se um desafio para matemáticos alcançarem o maior número possível de casas decimais.

Foi o que fez a funcionária do Google do Japão, Emma Haruka Iwao, assim como reportou a revista Super Interessante.

31 trilhões de casas decimais!

A mulher, que é desenvolvedora do Google Cloud, conseguiu calcular “apenas” trinta e um trilhões e quatrocentos bilhões (31,4 tri) de casas decimais depois da vírgula.

E este é o novo recorde mundial de cálculo do número π e entrou para o livro dos recordes (Guiness World Records).

Para tal feito, a desenvolvera utilizou 25 ferramentas do Google Cloud que demoraram 121 dias para processar este número gigantesco.

O número ocuparia um HDd e 170 terabytes de espaço. Para se ter uma ideia, um notebook comum tem, geralmente, espaço para 500 Gigabytes de informações.

Então, seriam necessários 340 notebooks para armazenar todo o número!

Sonho antigo

A curiosidade é que este era um sonho antigo da engenheira.

Sempre apaixonada pelos números, desde os 12 anos ela tenta calcular o número pi da forma mais exata possível.

Gosto um tanto quanto que peculiar!

O antigo recorde era de Peter Trueb, que, em 2016, conseguiu calcular 22,4 trilhões de casas decimais.

Mas, qual a funcionalidade disso?

Quantos mais casas decimais o número pi possuir, maior será sua exatidão.

Basicamente, a utilização do número de Emma aumenta a precisão das fórmulas que utilizam o π.

Parece irrelevante para a matemática comum, mas é útil para cálculos que necessitam de uma maior acurácia e uma escala mais fina.

Se o pi fosse escrito em papel…

  • Imagine escrever este número no papel?
  • Quantas folhas ocuparia este número?
  • Quantas árvores para produzir estas folhas?

Nós fizemos a conta! Considerando uma folha A4 com espaçamento normal, para ocupá-la totalmente é necessário inserir aproximadamente 3000 caracteres.

Portanto, dividindo 33,4 trilhões de caracteres por 3000, temos um valor de aproximadamente de 10,5 milhões de folhas A4 para escrever todo o número descoberto pela japonesa.

Se todas essas folhas fossem impressas em papel sulfite A4, seria necessário derrubar quatrocentos e setenta e sete mil árvores apenas para documentar todo o número uma única vez.