7 imagens para pensar 2 vezes antes de nadar nesse verão

Estamos em uma época com 2 atrativos que nos levam a um caminho: o sol e o verão nos fazem ir correndo para um belo de um banho de mar. Além disso, ainda podemos contar com as altas temperaturas e o período de férias!

Porém, sabemos que o mar nem sempre está para peixe, não é mesmo? Com isso, pode nos oferece riscos de verdade, o que requer muita atenção para que o momento de relaxamento não se transforme em uma tragédia da vida real.

Veja abaixo 7 imagens que mostram esse perigo, em fatos reais, e que vão fazer você pensar 2 vezes antes de ir nadar no mar.

1 – Tubarão

Com certeza ninguém vai para o mar pensando em encontrar essa belezinha, não é mesmo?

Existem alguns tipos de tubarões, sendo os primeiros descobertos há mais de 400 milhões de anos, que podem nos assustar e até mesmo acabar com as nossas vidas.

A expectativa de vida deles é de 20 a 30 anos, se forem livres na natureza. Uma curiosidade é a sua velocidade, que chega até 50 km/h. O maior tubarão, segundo biólogos, tem aproximadamente 7 metros de comprimento.

Bom, e ainda que não seja tão comum assim, dá para encontrar tubarões em partes rasas do mar, como aconteceu em Recife, nessa imagem que está gravada.

2 – Água Viva

As águas vivas são conhecidas como geleias do mar, mas estes são apenas nomes informais para o original: Medusa.

Ela é uma espécie de bicho gelatinoso, que tem uma expectativa de vida de 12 meses. O seu principal risco para os humanos é a queimadura, portanto, ela não deve ser tocada em nenhuma hipótese.

E sim, dá para encontrar esse bicho marinho facilmente em algumas praias do Brasil

3 – Cobra

Um dos animais mais perigosos do mundo são as cobras, que podem viver tanto em locais terrestres como nos aquáticos, sendo água doce ou salgada.

As que vivem no mar, normalmente não ficam na beirada perto da areia, mas sim para o centro, nas profundezas.

Diferentemente das terrestres, as cobras marinhas se alimentam dos camarões, peixes e alguns outros animais marinhos. Só que nunca se sabe quando ela vai querer atacar uma pessoa, né?

4 – Onda Gigante

Se você é um surfista, vai curtir e aproveitar muito as ondas desse verão.

Porém, para os banhistas, as ondas gigantes podem ser um grande problema, principalmente se você não for um bom nadador.

Tenha cuidado e respeite sempre as sinalizações dos locais que são aptos para nadar ou não.

5 – Peixe Manta

O peixe Manta, também conhecido como Jamanta e Maroma também tem recebido diversos nomes devido aos seus ataques a humanos, como Peixe Diabo, Raio Diabo e Morcego do Mar.

E é bem fácil identifica-lo: ele tem um formato de losango, com uma longa calda, mas sem espinhos. Eles podem chegar até 7 metros de envergadura, além de pesar até 1,350 kg. A espécie tem uma longevidade de 20 anos.

6 – Tsunami

Os Tsunamis são uma série de ondas de águas. Elas acontecem devido ao deslocamento de um grande volume de água, como por exemplo, em um oceano.

Até hoje, temos registrados certa de 195, desde menores até os maiores, que causam muito estrago.

7 – Raias

As raias também são chamadas de arraias ou peixes batóides. Ela é um animal marinho do mesmo grupo dos tubarões.

No Brasil, elas costumam aparecer no inverno, mais para o litoral do sudeste, como no Parque Estadual Marinho da Laje de Santos.